Câmera Eclipse – 56 gramas

A câmera de ar mais leve do mundo começou a ser comercializada, outrora uma notícia “estranha”, agora realidade ao alcance dos viciados em peso. Depois de vários testes pelo mundo a conclusão geral é sempre a mesma: Muito mais leve; muito mais resistente contra furos e menos resistência na rolagem.

Parece um milagre? Acreditem, atletas estão utilizando essas câmeras até no campeonato mundial de MTB ao invés de utilizarem tubeless ou o sistema notubes. O fabricante Suiço promete que o material do produto é tão resistente que é impossível ter “snakebite”. O preço de cada unidade que é salgado para o padrão brasileiro, 60 euros na Europa.

Se você ficou curioso em saber algum “maluco” que tem coragem de só utilizar essa jóia suiça, talvez um nome “conhecido” lhe ajude a confiar no produto: Thomas Frischknecht. Ele só usa essa câmera desde o primeiro teste na Toscana.